segunda-feira, 7 de novembro de 2011

É como ficar esperando cartas que nunca vão chegar.

Minha alma se debate
Meu corpo grita por dentro
Espírito já não tenho, você levou junto com a minha
Vontade de viver
Não sei mais discernir certo de errado
Não sei ate onde existe medo
E até onde existe realidade
Meus olhos hoje estão molhados,
E o que sai deles é reflexo do que tenho dentro de mim
Um pouco de insegurança
Um pouco de desconfiança
Já não há esperança de amor
A única espera é a morte, enfim.

10 comentários:

Marcos Satoru Kawanami disse...

Stella,

As cartas sempre chegam, e é logo no começo do mês: conta de luz, conta de água...

Otimismo é fundamental, é só por isto que eu estou vivo.

=D
Marcos

zierley jardim disse...

"samba da benção."
remédio pra alma. não deixe de ouvir.

Paulo Vitor Cruz disse...

a parte dos olhos molhados ficou bonita.. me comoveu.

*feliz meio de semana aí

bitoquinha.

Fernanda. disse...

Sempre que não se tem mais esperanças de duas uma: ou criamos novas esperanças ou mudamos de foco. Mas sempre tem um jeitinho!!
Obs: realmente pensamos de uma forma padrão a tudo o que achamos ser amor. Mas no meu caso, eu namoro a mais de 2 anos e encontrei minha certeza de que realmente é amor!!
Beijos

Jeniffer Yara disse...

Se não tem esperanças para o amor,tens de ter para outras coisas. Todos vivemos inseguros,com medo,ás vezes a esperança sobre tudo se vai e parece que não irá mais voltar. Mas sempre existe algo em nossas vidas que vale á pena,seja nossa família,nossos amigos,nossos sonhos ou até mesmo a esperança de encontrar um amor verdadeiro :}

Beijos

Maria Midlej disse...

Não, não. Por que eu senti uma melancolia e uma dorzinha depois de ler isso? Não, não pode. Não gostei.
hahahahaha
Brincadeira, do texto eu goste. Do sentimento provocado: nem tanto.

Mas é belíssima a escrita.
Um beijo

Maria Midlej disse...

Não, não. Por que eu senti uma melancolia e uma dorzinha depois de ler isso? Não, não pode. Não gostei.
hahahahaha
Brincadeira, do texto eu goste. Do sentimento provocado: nem tanto.

Mas é belíssima a escrita.
Um beijo

Jéssica F. disse...

Nunca perca a esperança, Stella. É a esperança que nos move.
Bjs e tenha um bom final de semana :*

Letícia Giraldelli disse...

Muito bonito o texto, mas um pouco de pensamento positivo não faz mal a ninguém só faz bem!
Tua felicidade depende de ti, guria!
A vida é tão linda lá fora que é um desperdício ficar na pior por alguém que não te merece!
um beijo

Camila disse...

Que não seja de amor então, mas esperança sempre deve ter!