domingo, 4 de abril de 2010

Calma

Acalme-se vento
Pare o tempo
Pra eu poder pensar
Espera, lento
Enquanto é tempo
De eu poder me expressar
Calma, alma
Para o tempo
Vento leve, me leve pra longe.

Um comentário: